Você precisa de motivação ou de motivos para a ação?

Você precisa de motivação ou de motivos para a ação?

Muita gente vem me procurar hoje em dia e me diz que precisa de motivação, que está muito desanimada, desmotivada, perdida, que a vida está sem graça e que está até meio depressiva e por ai vai. A sensação de estar no meio de uma multidão e ao mesmo tempo se sentir solitário é impactante em nosso ser, pois é ter um monte de pessoas à volta, mas nenhuma que acrescente valor à sua vida. Com isso você não tem vontade de fazer nada diferente da rotina e ela acaba engolindo seu ânimo.

O ser humano é um ser sociável por natureza e isso não quer dizer só viver de facebook postando mensagens para os amigos, inimigos e desconhecidos também. Isso apenas justifica o sucesso das redes sociais de hoje com milhões de pessoas participando. Mas a vida no dia a dia não é motivada apenas pela busca por “likes” ou quantos “curti” ou comentários recebeu em uma publicação. Até porque administrar tudo isso dá um trabalho danado e come seu tempo e dai a sensação de vazio que o dia passou e você não fez nada.

A vida é muito além do escrever e do mostrar seja uma foto, uma imagem ou mesmo um vídeo. A vida se completa e tem sentido principalmente quando existe o sentir, o compartilhar uma energia, um toque, uma troca de olhar e diversão com o outro.

Quando o sentir não está presente na vida e com isso não existe uma troca de energia efetiva, aparece a tal sensação de falta de motivação, de desânimo, de tédio e por ai vai. Como resolver isso então?

Por incrível que pareça a solução é muito simples e está em encontrar motivos reais para a ação. A dica é buscar a companhia das pessoas certas, aquelas que te oferecem motivos para a ação, a vontade de mover montanha para vencer o desafio da inércia presente na zona de conforto. Incentivos, comemorações, troca, um papo descontraído, umas cutucadas para você sair do lugar, fazer diferente, compartilhar ideias concretas e principalmente te fazer sonhar, acreditar, realizar são movimentos que fazem parte do mundo real e é extremamente necessário para todo ser humano viver de bem com a vida.

Em 1966 Napoleon Hill já frisava sobre a importância das pessoas com ideias em comum, se juntarem em grupos (chamados Master Mind) para uma incentivar a outra a crescer. Uma prática observada em grupos de sucesso como a maçonaria, rotarys e lions club no mundo. Lembre-se da máxima: sozinhos vamos mais rápido, mas juntos chegamos mais longe.

Você só precisa de uma faísca para reacender ou manter acesa a sua centelha divina de motivação. Levantar da cadeira e discutir o relacionamento, o trabalho, o aprendizado, a vida. Sentir o calor humano de alguém que você sabe que se importa com você de verdade. Sentir a alegria de compartilhar suas ideias e discuti-las com pessoas que tem os mesmos pensamentos e propósito de vida é saber que você não está sozinho, existem outros seres humanos que pensam e acreditam iguais a você; isso acalma a alma e traz a certeza de que você não é louco sozinho. Isso sim é se sentir vivo, se sentir necessário e ainda contribuindo com o próprio crescimento, com o do outro e do planeta.

Somente quando há motivos para a ação é que a motivação aparece. Portanto, descubra o que é que está faltando em sua vida – seja desde compartilhar sonhos e ir à luta por eles até fazer um retiro de meditação. Encontre o que é que te motiva, o que te traz alegria de viver e corra atrás!

Gostou deste tema, quer compartilhar suas ideias e insights? Deixe sua mensagem!

Daniela Dias
Master Trainer em PNL

No Comments

Post A Comment
WhatsApp chat